cnads  
 
separador
 
separador
Junho 2024
D S T Q Q S S
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6
©2010 NSprojects.com Valid XHTML 1.0 Transitional Valid XHTML 1.0 Transitional
Portugus
Ingls
login
 
Bem vindo ao CNADS

 

A EEAC insta a Comissão Europeia a basear-se na análise do Conselho Consultivo Científico Europeu sobre as Alterações Climáticas (ESABCC) para a meta de 2040.

O CNADS, enquanto membro da Rede Europeia de Conselhos de Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (EEAC, European Environmental and Sustainable Development Advisory Councils Network), é um dos subscritores da carta enviada à Comissão Europeia, onde se defende que um objetivo de redução das emissões de gases com efeito de estufa de 90-95% para 2040 é um "passo útil e oportuno para nos tornarmos um continente neutro em termos climáticos em 2050".

Para aceder ao comunicado de imprensa e à carta conjunta clique aqui.


 
Lançamento do Estudo "Riscos Climáticos e a Saúde dos Portugueses: Futuro(s) por imaginar e construir”

No passado dia 25 de Outubro, o projeto Saúdes (Médis) lançou o seu terceiro estudo, intitulado "Riscos Climáticos e a Saúde dos Portugueses: Futuro(s) por imaginar e construir".

A sessão de lançamento do estudo decorreu no Edifício Ageas Tejo e contou com a presença de cerca de 70 pessoas. Após a apresentação do estudo (Joana Barbosa, Return on Ideas), decorreu um debate moderado pela jornalista Marta Atalaya (Sic), no qual marcaram presença o Dr. Adalberto Campos Fernandes (Nova ENSP), a Prof. Luisa Schmidt (ICS-UL) - orientadora científica do estudo, o Prof. Osvaldo Santos (ISAMB-FMUL) e o Prof. Pedro Matos Soares (UL). Falaram ainda os responsáveis da APSAi, CNADS, CPSA, Fórum Saúde XXI e Zero, cinco dos 7 parceiros do estudo (a par da Respira e Fundação Portuguesa do Pulmão).

Neste estudo ficou claro que, apesar de 96% dos portugueses terem perceção de que a nossa saúde é afetada pelas alterações climáticas, 75% afirmam dúvidas e/ou desconhecimento sobre esta matéria. Ora, como defende o estudo, sem compreensão não há ação nem prevenção, pelo que a literacia sobre esta questão deve ser um “cavalo de batalha” de todos: governos, instituições públicas e privadas.

O estudo prova ainda que existe uma correlação entre a ação pró-saúde e a ação pró-ambiente: a preocupação com a saúde conduz à preocupação com o ambiente, o que faz da saúde uma das primeiras portas de entrada para comportamentos (mais) sustentáveis.

Para saber mais sobre este estudo e as suas conclusões visite o site do projeto Saúdes, onde pode ler mais sobre este estudo e fazer o download para ler na íntegra.

Se não teve a oportunidade e quer assistir à emissão em direto do evento, ainda o pode fazer através do Facebook do Expresso.

Aceda aqui.

 


 
Parecer sobre a Proposta de Lei n.º 77/XV, Relativa à Simplificação de Licenças e Procedimentos no Ordenamento do Território e Urbanismo

O Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (CNADS) aprovou por unanimidade, na 5.ª reunião ordinária do CNADS em 2023, realizada a 20 de setembro, o Parecer sobre a Proposta de Lei n.º 77/XV, Relativa à Simplificação de Licenças e Procedimentos no Ordenamento do Território e Urbanismo.

 
Parecer do CNADS sobre a Intenção de não Prorrogação das Licenças de Exploração dos Centros Integrados de Recuperação, Valorização e Eliminação de Resíduos Perigosos (CIRVER)

O Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (CNADS) aprovou por unanimidade, na 5.ª reunião ordinária do CNADS em 2023, realizada a 20 de setembro, o Parecer do CNADS sobre a Intenção de não Prorrogação das Licenças de Exploração dos Centros Integrados de Recuperação, Valorização e Eliminação de Resíduos Perigosos (CIRVER).

 
ODS e as Disparidades Territoriais

Na semana em que se realiza, em Nova Iorque, o Fórum Político de Alto Nível sobre Desenvolvimento Sustentável, sob os auspícios da Assembleia Geral (Cimeira dos ODS), a Plataforma ODSlocal divulgou os resultados relativos à monitorização do desempenho das regiões, sub-regiões e municípios portugueses rumo às metas dos ODS da Agenda2030.

“Como estão os vários territórios do País em relação ao Objetivos de Desenvolvimento Sustentável?”

Processo Colaborativo entre a Plataforma Odslocal e a Autarquia de Loulé

 
«InícioAnterior12345678910SeguinteFinal»

Pág. 2 de 12
 

Sondagem

Qual o seu grau de satisfação em relação a este site?
 


Área administrativa